Antibióticos aumentam o risco de alergias e até hiperatividade

Polêmico esse título não? Mas vamos entender mais sobre o assunto antes de entrar em pânico e proibir seu pediatra de prescrever qualquer medicação para o seu filho .

Uma pesquisa realizada pela Mayo Foundation , divulgada neste ano , concluiu que crianças com até 2 anos de idade que fizeram uso de antibióticos têm maior chance de desenvolver doenças crônicas.

A exposição precoce a antibióticos foi associada ao risco maior de desenvolvimento de doenças como asma no início na infância, rinite alérgica, dermatite atópica, doença celíaca, sobrepeso, obesidade e transtorno de déficit de atenção e hiperatividade. Os efeitos podem variar conforme o remédio prescrito e a duração da prescrição.

COMO ASSIM? NÃO DEVO MAIS USAR ANTIBIÓTICOS?

Calma ! A descoberta vêm acrescentar provas de que o microbioma humano (conjunto de bactérias, vírus e fungos do bem) desempenha um papel importante no desenvolvimento da imunidade e da saúde do nosso organismo. E alterá-lo, através do uso indiscriminado de antibióticos, pode ter repercussões além de uma simples diarréia.

“A visão de que os germes são inimigos a ser combatidos, num mundo cada vez mais higiênico e estéril, pertence ao passado. Precisamos deles para sobreviver tanto quanto eles dependem de nós”

Drauzio Varela

A alteração do microbioma na infância seria a chave para o aumento da incidência de quadros alérgicos e até de hiperatividade. Existem vários estudos nessa área , mas infelizmente não sabemos o mecanismo de ação exatamente.

Por isso a prevenção de novas infecções é peça fundamental para uma boa saúde . Não basta usar remédio , devemos saber quando e como usá-lo e investigar o por quê as infecções estão ocorrendo.

EVITE O USO DE ANTIBIÓTICO E FOQUE NA PREVENÇÃO

Fica o recado : pense muito antes de usar qualquer remédio por conta própria , sem a orientação de um médico . A solução mais imediata para o seu problema nem sempre é a mais adequada . Usar antibióticos para “curar” gripe e catarro amarelo não são boas opções a longo prazo para a saúde do seu filho .

E vamos cuidar mais da nossa alimentação para cuidar dessa microbiota do bem ! Não basta reduzir o consumo de antibióticos, devemos melhorar a ingesta de fibras , beber muita água e ingerir alimentos ricos em lactobacilos, como leite fermentado e iogurtes . Evite alimentos industrializados e com muita gordura animal .

Autor: Dra Fernanda Naka

Pediatra

2 comentários em “Antibióticos aumentam o risco de alergias e até hiperatividade”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: