Criança que range o dente está com vermes?

Seu filho range ou força os dentes quando está dormindo? Fique alerta, pois ele pode ter desenvolvido bruxismo, muito comum em crianças de até 6 anos de idade.

Um estudo brasileiro verificou a presença de bruxismos em 40% das crianças menores de 6 anos. Crianças com quadros de alergia, deficiência nutricional ( como anemias e falta de vitaminas ) , parasitoses e distúrbios endócrino e gastrointestinais apresentam mais frequentemente quadros de bruxismo.

Nem toda criança que range o dente tem verminose . As causas são múltiplas !

Por que isso acontece ?

O aparecimento do bruxismo pode estar relacionado a transtornos como ansiedade, hiperatividade, déficit de atenção e prescrição de medicamentos controlados. Por isso, é importante que o tratamento seja discutido com o seu pediatra.

Muitas vezes o ranger dos dentes é o sintoma de um problema maior.

Mas o uso de telas de forma precoce também colabora e muito com o aumento da incidência do bruxismo . Isso acontece porque elas ficam em estados de concentração muito prolongados e podem apertar e ranger mais os dentes caso passem muito tempo utilizando aparelhos eletrônicos. É muito estímulo visual e auditivo para um organismo que ainda está em desenvolvimento.

Sintomas

Geralmente, é fácil identificar se a criança desenvolveu bruxismo pela simples observação dos movimentos realizados por ela com a boca, seja acordada ou dormindo. Este distúrbio do sono pode levar a outros sintomas além dos desgaste dos dentinhos :

• Dores de cabeça: a estrutura muscular da cabeça está conectada com a da mastigação. O estímulo excessivo a deixa tensa e isso dispara as dores.

• zumbido no ouvido: a rigidez nos músculos instiga o zumbido como forma de igualar a pressão na cabeça.

• Dores musculares: por causa das contrações constantes, a musculatura fica cansada. Daí, é normal acordar com a bochecha dolorida.

• sensibilidade dos dentes : a força do apertamento compromete o esmalte dentário e pode até causar fissuras e quebras. Quando isso acontece, o dente fica mais sensível a temperaturas altas e baixas.

• Problemas na articulação: o bruxismo pode desencadear a disfunção da articulação temporomandibular, com deslocamento da mandíbula, estalos e dores na região.

É importante que os pais prestem bastante atenção nos filhos que têm entre 5 a 7 anos de idade, pois o distúrbio pode trazer consequências aos dentes, como fraturas, desgastes, sensibilidade e apesar de não apresentar risco de vida, esta condição clínica pode influenciar na qualidade de vida e do sono da criança

O que fazer ?

Como prevenção, especialistas apontam para o conceito de “higiene do sono”, utilizado para classificar os hábitos comportamentais saudáveis na hora de dormir que devem ser adotados desde cedo.

• Evitar dar o smartphone ou o tablet para a criança adormecer é um dos principais pontos.

• Praticar técnicas de relaxamento , como meditação , aulas de artes ( pintura , música ) e incentivar a prática de atividades físicas.

• Bons hábitos alimentares , evitando bebidas com cafeína como refrigerantes e alimentos açucarados ( mamadeira com achocolatado ) a noite .

• Consulta com um odontopediatra para acompanhamento dos dentinhos e um psicólogo para avaliação de quadros mais intensos .

Fica a dica .

Dente nascendo? Veja o que fazer para diminuir o incômodo .

Dente nascendo , trabalho dobrado para a mãe : chora , não come , da febre , da diarréia , vômito , tosse , dor de barriga … opa ! Nem tanto assim.

Muito sintomas estão ligados com o nascimento dos dentinhos , mas uma grande parte atribuída a eles não . Hoje vamos esclarecer alguns pontos e tentar amenizar os sintomas . Existem muitas novidades no tratamento da dor .

Quando nascem os dentes

Os primeiros dentes surgem a partir dos 6 meses em média . Em alguns casos raros , podem aparecer a partir de 4 meses. Vamos lá :

Dentes incisivos inferiores: Entre os 5 e os 12 meses.

•Dentes incisivos superiores: Entre os 7 e os 10 meses.

•Dentes laterais superiores e inferiores: Entre os 9 e os 12 meses

•Primeiros molares superiores e inferiores: Entre os 12 e os 18 meses.

•Caninos superiores e inferiores: Entre os 18 e os 24 meses.

•Segundos molares inferiores e superiores: Entre os 24 e os 30 meses.

Quanto dente não é mesmo? Se você avaliar , o surgimento dos dentes afeta as crianças de 6 até 2 anos e meio . Mas afinal , o que esperar durante essa fase?

Sintomas

Os sintomas mais comuns são : a salivação excessiva a partir dos 3 meses , gengiva inchada e dolorida ao toque , irritabilidade e, febre e redução do apetite.

A febre geralmente está abaixo de 38 graus e com intervalos de 8 a 12 horas. Ela ocorre devido ao processo inflamatório da gengiva , por isso muitos pais se queixam da ” cabeça quente ” do bebê . Sempre verifique a temperatura , para evitar o uso desnecessário de medicação.

Dente dá diarreia ?

Não. As diarréias são comuns por volta dos 6 meses e não tem relação com a dentição , mas com o hábito de colocar a mão na boca . Como as mãos nem sempre estão limpinhas , elas podem carregar vírus e bactérias para dentro do corpo e provocar viroses e infecções .

Também é nesta fase que se inicia a alimentação com papinhas , e às vezes certos alimentos podem levar a quadros gastrointestinais .

E a terceiro fator é que grande parte destas crianças irá para creche pela primeira vez , o que gera um maior número de infecções , devido a imaturidade do sistema imunológico.

O que fazer?

• O bom e velho mordedor ajuda bastante . Ele evoluiu e agora pode ser levado a geladeira , para dar um alívio geladinho na gengiva machucada. São tantos formatos que dá para escolher!

• Podem ser oferecidas frutas ou legumes , seguindo a técnica do BLW , aonde as crianças manipulam os alimentos com as mãos . Assim as gengivas são massageadas , diminuindo o desconforto e proporcionam o nascimento mais rápido dos dentes.

• Outra técnica é oferecer alimentos mais frios e pastosos . Os bebês em aleitamento materno podem usufruir do tetolé : picolé de leite materno.

Ele promove um alívio para os dias mais quentes , além de ser de fácil aceitação pela criança . Mas tenha cuidado na manipulação do leite , fazendo uma boa higiene das mãos e dos recipientes . Use cerca de 50 ml de leite em um recipiente previamente lavado . Pode ser mantido no freezer por até 15 dias após o congelamento .

• Com relação a medicação , a camomila é um santo alívio , pois melhora a qualidade do sono , humor e ainda ajuda na inflamação da gengiva sem efeitos colaterais .

E o remédio que passa boca ?

As pomadas anestésicas proporcionam um alívio imediato e passageiro , mas trazem alguns efeitos colaterais . Recentemente a Academia Americana de Pediatria emitiu um alerta para o uso de produtos com benzocaína devido a morte de bebês nos Estados Unidos.

Na forma de pomada , gel ou tablets anestésicos , a substância é engolida com a saliva ,deixando a garganta anestesiada, o que pode causar engasgo, dificuldade de engolir, aspiração de alimentos para as vias respiratórias e até problemas para respirar.

Pomadas e medicações americanas são vendidas livremente e indicadas por blogueiras , mas já foram proibidas nos Estados Unidos , como o caso da Oraljel:

Descritas como ” homeopáticas ” por quem vende e como produtos milagrosos por quem não sabe , são de uso proibido , assim como o colar de âmbar. Não se baseie em modismos ! Leia e na dúvida , não use !

Por que NÃO devemos usar o Nenê dente ?

Os pediatras da Academia Americana de Pediatria (AAP) lançaram um alerta importante: as pomadas com anestésicos não devem ser usados para aliviar a dor do nascimento dos dentinhos. As substâncias presentes neste tipo de medicação podem levar a sérios problemas de saúde.

Produtos americanos tem benzocaína

A benzocaína é uma substância que age como anestésico local bloqueando a condução de impulsos nervosos. Seu uso não exige prescrição médica e é regulado no Brasil pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), seguindo as recomendações de dosagem para cada tipo de aplicação e paciente. 

Esta substância pode causar uma condição na qual a quantidade de oxigênio transportada através do sangue fica bastante reduzida, chamada meta-hemoglobinemia. Pode ser fatal e resultar em morte em crianças menores de 2 anos de idade.

E se for homeopático?

Como remédios homeopáticos não são considerados medicamentos, eles não precisam da análise e aprovação de agências regulatórias para serem vendidos. A Agência Americana de Controle de Medicações (FDA) informou que está investigando a composição de vários produtos deste tipo , pois houve uma relação entre uso e morte de bebês .

Em 2010 a agência já tinha emitido um alerta de segurança para esses produtos que apresentaram quantidades de beladona, uma planta medicinal que pode ser tóxica dependendo da quantidade.

O uso desta substância pode levar a quadros de convulsões, dificuldade respiratória, letargia, sonolência excessiva, fraqueza muscular, rubor da pele, prisão de ventre, dificuldade em urinar ou agitação.

No Brasil , a formulação mais conhecida a base de extratos naturais é a Camomilina C. O produto não possui a beladona na composição :

É feito com extrato de camomila e alcaçuz . Sem contraindicação ao uso em bebês.

E o gel brasileiro ?

A pomada mais usada no Brasil possui na sua composição um anestésico, a lidocaína .Assim como a benzocaína , a lidocaína também pode levar a alterações sérias : quando administrada em excesso, pode causar confusão, problemas com a visão, vômitos, sonolência, tremores e convulsões.

Fórmula do Nenê dente gel

A pomada pode ser deglutida , anestesiando parte da faringe e as vias respiratórias da criança , ocasionando engasgos e dificuldade respiratória.

Os especialistas ainda ressaltam que os géis não são úteis para diminuir a dor do nascimento dos dentinhos porque eles saem logo das gengivas, com efeito de curta duração , pois os bebês salivam muito nesta fase.

O bom e velho mordedor continua sendo a solução ideal

Bebê pode nascer com dentes ?

Eles começam a surgir entre os 6 e 14 meses de vida. Os primeiros costumam ser os de baixo. Em situações muito raras, o primeiro dente aparece ainda no primeiro mês de vida ou até já está na boca do bebê ao nascer. É o chamado dente neonatal. Já tive um paciente assim e nem eu acreditei estar vendo um recém nascido com dentinho !

Caso aconteça com seu filho, é importante consultar um odontopediatra para avaliar se está tudo bem, se ele tem raiz e se não existe nenhum tipo de alteração.

Enquanto o bebê não tem nenhum dente, as bactérias que causam a cárie são engolidas, por isso não há necessidade de limpeza da boca . Não use solução de bicarbonato ou mel rosado . Nem paninho com água é indicado .

Quando e como escovar ?

Surgiram os dentinhos? Use uma escova pequena e macia ( a idade vem na embalagem das escovas ). A pasta deve ter flúor, mas o ideal é colocar uma quantidade bem pequena.

Recomenda-se que os pais façam de duas a três escovações diárias nos filhos, sempre após as principais refeições (café da manhã, almoço e jantar).

Para estimular a boa higiene bucal, dê o exemplo escovando seus dentes na frente da criança.

Ao todo, as crianças possuem 20 dentes de leite – 10 na parte superior e 10 na parte inferior. Esses dentes atuam como marcadores de posição para os dentes adultos que crescerão depois que os dentes de leite caírem. Lembre-se de que só porque esses dentes estão destinados a cair, não significa que eles não devam ser cuidados da mesma forma que os dentes permanentes.

Tchau dente de leite

Na grande maioria dos casos, entre 2 anos e meio e 3 anos, todos os dentes de leite da criança já terão nascido.

É por volta dos 5 ou 6 anos de vida que tem início a troca dos de leite pelos permanentes.  Os primeiros são os de baixo, da frente. Os dentes costumam amolecer até que caiam sozinhos ou fiquem “por um fio”, bastando uma leve puxadinha para soltar.

É importante que os dentes de leite caiam naturalmente, sem precisar levar a criança ao dentista ou recorrer a métodos caseiros, afinal é um processo normal.

Porém, em alguns casos o dente permanente nasce , atrás do dente de leite , que ainda não caiu . Neste caso , procure um Odontopediatria para uma avaliação – às vezes é necessário arrancar o dentinho teimoso .

A troca completa dura até os 12 anos da criança.Quando terminam todas as trocas, a criança deve ter 28 dentes.

Cuidado com a mamadeira !

A cárie de mamadeira é uma destruição dental associada ao contato dos dentes com líquidos açucarados da mamadeira, como o açúcar , sustagen ou farinhas , durante o dia ou à noite enquanto dorme.

Para evitar a cárie de mamadeira os pais, se possível, não devem oferecer leite de madrugada ou antes de dormir, principalmente se for adocicado. É importante ressaltar que isto não vale para o leite materno.

Fica a dica .